Falso magro? Entenda!

Home»Blog da Doc»Falso magro? Entenda!

Você conhece o termo “obesidade de peso normal”(OPN)?

Define-se como obesidade de peso normal a ocorrência de excesso de gordura corporal em indivíduos eutróficos (índice de Massa Corporal – IMC – maior ou igual a 18,5 e menor que 25Kg/m²).

A obesidade está associada a diversas doenças e é considerada um problema no mundo inteiro.

Vários estudos demonstram que a prevalência de OPN é alta, aumenta com a idade, e acomete indivíduos menos propensos a se exercitar com regularidade.

Apesar de muitas vezes ter índice de Massa Corporal (IMC) dentro dos padrões considerados adequados, é destacado que o mesmo não é capaz de distinguir a massa muscular da massa de gordura. ⠀
Sendo assim, um portador de IMC normal poderia exibir excessos de gordura corporal sem ao menos saber disto, e estar sujeito aos mesmos problemas de saúde de um obeso, sendo, portanto, o IMC um índice inadequado para avaliar a gordura corporal.

Portadores da obesidade de peso normal podem apresentar distúrbios metabólicos importantes e risco para o desenvolvimento de doenças cardiovasculares, diabetes tipo 2, câncer e outras patologias ligadas ao aumento da gordura corporal.

A prevalência da síndrome metabólica cresce à medida em que a gordura corporal aumenta, tanto em homens quanto em mulheres classificados com OPN.

Mas além dessas doenças, alguns autores destacaram que a obesidade do peso normal é um fator de risco para gota, e está associada com glicemia de jejum e triglicerídeos elevados, podendo ainda ocorrer esteatose hepática.

Portanto mesmo que uma pessoa esteja incluída na categoria saudável através do IMC, existe a possibilidade de que seja uma “falsa magra”, com possível OPN e riscos para a saúde, principalmente se se alimenta de forma incorreta e não pratica atividade física regular e bem orientada. ⠀

Então, devemos sempre estar atentos aos níveis de gordura acumulados no corpo, realizando consultas médicas e exames de bioimpedância, sobre o qual falaremos no próximo post. Prevenir ainda é o melhor remédio!

Por | 2017-04-24T17:02:53-03:00 24/04/2017|Blog da Doc|

Leave A Comment

Avada WordPress Theme
Open chat
Olá! Aqui é a Dra. Flavia Denigris, tire suas dúvidas e agende sua consulta.
Powered by