Manteiga ou Margarina?

Home»Blog da Doc»Manteiga ou Margarina?

Essa é uma dúvida comum!

Estudos dizem que dentre os alimentos com alto teor de gordura saturada, os mais consumidos diariamente são o leite, a margarina os queijos e a manteiga.

Mas como se dá a produção da margarina e da manteiga?

A margarina é obtida através da hidrogenação de óleos vegetais, processo que a deixa rica em gordura trans (um dos piores tipos de gordura) e gordura saturada.

A utilização de gorduras hidrogenadas é muito comum na produção de fast-food, tendo o papel de melhorar a palatabilidade dos alimentos, tornando-os mais saborosos e desejados. ⠀
Estudos indicam que o consumo de margarina pode aumentar o LDL colesterol (ruim), e o consumo de gorduras trans está associado com o aumento da incidência de problemas coronarianos, uma vez que essa gordura se acumula no interior dos vasos (aterosclerose), podendo levar ao infarto.

Já o processo de produção da manteiga é mais natural, sendo essa um produto de origem animal, rico em gorduras saturadas, e passa por menos processos industriais, recebendo menos aditivos do que a margarina.????

Estudos demonstraram que o consumo moderado de manteiga resultou em aumento do HDL colesterol (bom), alguns demonstraram não afetar o LDLcolesterol (ruim), e outros mostraram um ligeiro aumento deste último, alertando para cautela no consumo de manteiga em pessoas com hipercolesterolemia sensível à dieta. Estudos mostram que, mulheres pós menopausa que consomem manteiga tem perfil lipídico melhor do que as que não consomem.

Assim, o mais recomendado seria a manteiga, por poder ser considerada mais “comida de verdade”, com menos riscos para a saúde. Porém, devemos ficar atentos às recomendações diárias de gorduras saturadas (10% das calorias ingeridas), ao nosso perfil lipídico, e as quantidades de sódio presentes no alimento.

Por | 2017-04-10T23:56:46-03:00 10/04/2017|Blog da Doc|

Leave A Comment

Avada WordPress Theme
Open chat
Olá! Aqui é a Dra. Flavia Denigris, tire suas dúvidas e agende sua consulta.
Powered by